FIV – Metade da estimulação ovariana

fiv_orgalutran

fiv_orgalutran2

fiv_lupron

E assim foram passando os dias tomando puregon e voltando para ultrassom… Acabei tendo que fazer ultrassom quase que todos os dias pois cada vez que eu voltava nas consultas, os médicos diziam a mesma coisa que precisamos ter um cuidado redobrado comigo com os hormônios e hiper estimulação ovariana pois eu tinha muitos, muitos folículos.

Disseram também que se eu não estivesse nesse ciclo antagonista com certeza já estaria na uti. Confesso que fiquei meio assustada embora já soubesse de tudo isso… Mas passa um medinho na minha cabeça, e se eles erram uma dose? E se algo acontecer? Ficava meio com medo, juro… Mas, sempre rezei, confiei em Deus e vamos que vamos…

Só percebi que esse meu ovário policístico dificultava um pouco as coisas… A essa altura já sentia muita dor nos ovários para sentar, levantar… Estava muito, muito dolorido… Mas a médica disse que era por causa do tamanho que eles estavam enormes.

Continuei com puregon e me deram o dia e horário exato de tomar orgalutran. As 23h sem poder atrasar de jeito nenhum…  E marcaram a aspiração dos óvulos.

Confesso que fiquei um pouco tensa… Esse negócio de centro cirúrgico, me mandaram tirar todo esmalte, na sexta feira já preenchemos todos os papéis, já assinamos alguns, nem quis ler, só de bater o olho já tive medo, de ler o que pode acontecer com os ovários, risco de morte, etc…

Deixaram bem claro que não é simples, que tenho que chegar cedo pra conversar com o anestesista, me relembrou muito minha cirurgia bariátrica, anestesista, centro cirúrgico, tirar esmalte, etc…

Na verdade em um procedimento normal não teria medo, mas tive medo porque com a dor que estou sentindo nos ovários, e como eles disseram que estão grandes eu sentia que estava prestes a ter a tal hiper estimulação… Isso é o que me assustava…

Mas, mesmo assim fui com toda coragem e vamos que vamos, tomei a última injeção pra amadurecer os óvulos, eles que prepararam lá e já me deram pronta. 36 horas antes da coleta. A Lupron…

E o maridão feliz da vida me dando injeções na barriga… hahaha

Anúncios

Uma resposta

  1. Dev longe a fertilização parece tão tranquila, tirndo o medo do ovulo fertlizado não ficar implantado.
    Se eu realmente conseguir não perder o utero [estou fazendo um tratamento alternativo], espero daqui uns 5, 6 anos finalmente poder engravidar.
    Curta muito toda essa fase, Alê ❤
    beijão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s